MEDIUNIDADE

A mediunidade é inerente ao homem. É um resgate de dívidas adquiridas em relações a vidas passadas e torna-se a oportunidade da evolução mais rápida também. Basta estudá-lo para entender a capacidade e tipo de fenômeno pela manifestação.
Todo médium passa por diferentes estágios durante seu desenvolvimento mediúnico.
Cabe ao médium verdadeiramente investido de brio e responsabilidades possuir propósitos honestos.


É essencial mensurar atenciosamente como falam e agem o médium e a entidade. Verificar se correspondem as exigências disciplinares, mentais e morais compatíveis com a doutrina espírita. Quanto mais graduada a entidade, maior será a responsabilidade do médium na conduta que deve pautar sua vida.

Exemplos de fenômenos: canalização, clarioufativa, clarividência, desdobramento, incorporação (mediunidade mecânica plena), inspiração, intuição, letargia, materialização, passista, psicografia, psicofonia, psicometria, pictografia, sensitividade, telecinesia, telepatia, transporte, vidência, xenoglossia.

Variedade de médiuns: analfabetos, de aparições, curadores, extáticos, facultativos ou voluntários, naturais ou inconscientes, noturnos, motores, musicais, pintores, polígrafos, poliglotas, de pressentimento, proféticos, sensitivos, sonâmbulos, suspensões, tiptólogos.
Faculdades de desenvolvimento dos médiuns: científicos, explícitos, exclusivos, de evocação, historiadores, improdutivos, incorretos, lacônicos, medicinais, novatos, positivos, religiosos, versificadores.


Bons médiuns:
Sérios: Que utilizam suas faculdades para o bem e finalidades úteis
Modestos: Não se atribuem nenhuns méritos pelas comunicações recebidas, não se julgam livres de mistificações. Devotos: Compreendem que têm uma missão a cumprir e deve quando necessário, sacrificar seus gostos, hábitos, seu tempo e interesses a favor dos outros.
Seguros: merece maior confiança em virtude de seu caráter e da natureza elevada dos espíritos que lhe assistem.
Experimentados: que têm experiência que se resulta do estudo e prática, observando os menores indícios.

Anúncios

Tags:

5 Respostas to “MEDIUNIDADE”

  1. Ana Says:

    Ótimo texto explicativo.
    Como saber qual tipo de mediunidade temos?
    Grata. Ana. 26/07/09

  2. Antonio Monteiro Says:

    Prezada companheira de caminhada terrena, o tempo no Plano astral é diferente do tempo cronológico terreno, entretanto a missão individual de cada um deve ser cumprida até a passagem, o desencarne. As manifestações se apresentam aos poucos e as oportunidades de desenvolvimento vão se fazendo presentes até que a pessoa entenda. Quando clara e definitivamente é lhe informado através de um oráculo, dirigente espiritual ou mentor superior, que lhe é chegada a hora. Esta por sua vez tem o lívre-arbítrio de sua escolha. A melhor maneira é procurar conhecimento para saber os fundamentos de sua manifestação.
    Luz e paz. Atenciosamente Antonio Monteiro
    Mais informações:
    antoniotaro@hotmail.com
    conhecerumbanda.blogspot.com

  3. Luzia Says:

    Antonio,

    Como posso saber se o médium sofre a ação da esquisofreia ou mediunidade.

    Obrigada,

    • espacoumbanda Says:

      1 – Estudar o histórico da pessoa,
      2 – Caracteristicas e trejeitos são fundamentais,
      3 – Os efeitos dos remedios geralmente diminuem no caso das manifestações mediunicas,
      4 – A percepção do ambiente é diminuida na mediunidade e distorcida na esquizofrenia,
      5 – A concentração aumenta na mediunidade e reduz na esquizofrenia,
      6 – A experiência extra corporal é controlada na mediunidade e descontrolada na esquizofrenia.
      Aconselho procurar médico e dirigente espiritual, pois cada caso é um caso.

  4. Cristiane Says:

    Prezado mestre irmão,
    adorei o texto, coincide com um trecho de um livro que estou apreciando esses dias.
    Ainda é muito dificil pra mim identificar qual tipo de médiu sou, acredito que com o desenvolvimento e experiencia isso fique mais claro,
    Mta Luz
    Cristiane

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: